sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Não assassinem o Português!

Veja bem, estou falando do nosso idioma, não de um cidadão do sexo masculino nascido em Portugal. Eu não sou nenhum professor Pasquale, mas os erros citados abaixo tenho certeza que não cometo. Infelizmente esses e muitos outros são encontrados facilmente na internet.



Já passou da hora do Brasil rever suas prioridades e investir pesado na educação. De que adianta o Senador Cristovam Buarque levantar sozinho essa bandeira? Difícil é saber em quem mais confiar...
Postar um comentário